Multiplicação de startups, legaltechs, lawtechs, plataformas de acordo pipocando, digital influencers do mundo jurídico ensinando muita coisa sobre gestão, mais e mais inteligência artificial, plataformas de Jurimetria, analytics, metaverso e inúmeras outras novidades nos obriga a buscar cada vez mais soluções para a rotina do escritório ou departamento jurídico em uma verdadeira transformação digital, inclusive na gestão da advocacia e serviços jurídicos.

Vale salientar que quando falamos em gestão na advocacia não falamos somente da gestão da produção jurídica e da controladoria jurídica, mas abraçamos outros pilares como gestão de pessoas, finanças, marketing, dentre outros temas que devem ser trabalhados.

Mas, e na prática? No dia-a-dia você sabe como inserir tudo isso? Aplica-se para você? Quanto custa toda esta transformação digital? Faz sentido para o seu negócio? Você pode pagar? Quem vai fazer a gestão? 

São muitas dúvidas que acabam nos paralisando, e deixando tudo sempre como está.

A notícia boa é que existem plataformas cada vez mais fáceis, baratas e seguras para gerir todas estas atividades.

Imagine o seu escritório ou departamento jurídico alcançando muito mais produtividade e economia.

O papel da Controladoria Jurídica

Dentro da Controladoria existem as demandas como cópias, digitalizações, downloads, cargas, protocolos e distribuições. É o que chamamos aqui de “logística jurídica”. Algumas vezes em escritórios menores todo o trabalho de uma Controladoria é feito por uma ou duas pessoas.

Porém, em bancas maiores certamente existirá dentro da Controladoria este subdepartamento de “logística”. 

Desta forma, o papel da Controladoria Jurídica é gerir toda esta logística jurídica da melhor forma. 

A logística jurídica dos sonhos

O tamanho continental do nosso país, em alguns casos, torna inviável o deslocamento de um advogado do próprio escritório para realizar uma audiência, ou a extração de cópias, ou a realização de protocolos em uma Comarca distante.

Nestes casos, os escritórios ou departamentos jurídicos contratam os chamados correspondentes jurídicos que realizam estas tarefas diretamente no local. 

Atualmente, mesmo com a digitalização dos processos, com a facilidade de acesso aos scanners, smartphones, a gestão destes correspondentes ainda é um desafio. Principalmente pelo controle dos prazos e da qualidade das entregas.

Desafio, principalmente porque a princípio, os correspondentes não possuem vínculos com os solicitantes. Desta forma, o ideal é que se utilize de toda a tecnologia disponível no mercado para o melhor gerenciamento, minimizando qualquer tipo de risco e aumentando a produtividade, velocidade e segurança.

Imagine uma ferramenta tecnológica, uma plataforma que realize a busca automática pela geolocalização do profissional. Bom, mas vamos falar de inovação na gestão da logística, nesta relação com os correspondentes também. Tudo isso é função da Controladoria Jurídica? 

Sim. Lembrando, que normalmente quando trabalhamos a gestão da produção, implantamos a controladoria jurídica, acaba ocorrendo a redução (especialização) das atividades do Técnico Jurídico (advogados, analistas e assistentes jurídicos), para que ele fique focado no atendimento ou confecção das petições, ou seja, na atuação técnica.

Assim, a gestão da logística e a gestão desta relação escritório ou departamento jurídico com os correspondentes fica a cargo da Controladoria Jurídica.

E quais seriam as melhores sugestões e dicas para esta relação? Sem dúvida a inovação, a utilização de toda a tecnologia disponível no mercado.

Atividades como diligências em Tribunais, Fóruns, entidades governamentais, Cartórios, Procons, tudo isso realizado com geolocalização, de forma centralizada, facilitando o trabalho do financeiro que pode pagar tudo em um único boleto ou PIX. 

Imagine um gestor conseguir centralizar tudo, acompanhar tudo de forma instantânea, por exemplo, dos atos preparatórios para uma audiência: como se existe ou não proposta de acordo. 

Já imaginou? Resolver toda a “logística jurídica” da sua banca em uma plataforma digital em que o correspondente possa “aceitar” aquela demanda também de forma instantânea no próprio aplicativo. É a Controladoria Jurídica dos sonhos. Assim como utilizar aplicativos modernos, com geolocalização e toda a tecnologia disponível no mercado para trazer a melhor experiência para o usuário na área de alimentação e deslocamento urbano, agora existe na prestação de serviços jurídicos. Exatamente! Já imaginou a facilidade, agilidade e economia?

Rápido, seguro, respeitando as normas legislativas de Lei Geral de proteção de dados, com segurança jurídica, tudo ao alcance das mãos. Não é sonho, é mais uma ferramenta disponível para o seu negócio jurídico, para o seu escritório que pode ser tradicional, mas não quer perder tempo e dinheiro.

Um dos papéis da gestão e da Controladoria Jurídica é trazer conceitos, soluções e inovação para melhorias sustentáveis que contribuam para a resolução do problema. Sempre em consonância com o que a sociedade precisa.

O profissional no centro da operação

Diante de tudo o que falamos aqui e das novidades que estão surgindo enquanto este artigo está sendo lido, e ainda, levando em consideração as mudanças de mercado, reformas legislativas e políticas, a gestão jurídica e a gestão da produção jurídica mudaram. A utilização de toda esta tecnologia para melhorar o acesso à informação inteligente que traga algum diferencial para o seu cliente ou para a sua banca, informação que se transforme em plano de ação, em resultados, sempre com foco nas pessoas, certamente é o futuro da gestão da produção jurídica. 

Em um movimento pendular, que lotou os escritórios de profissionais com tarefas repetitivas, hoje a tecnologia pode sim trazer o tempo e a clareza para o profissional do Direito estudar mais, atender melhor o seu cliente e inclusive ter uma melhor qualidade de vida. A tecnologia hoje é aliada ao Direito com foco na pessoa, no profissional e no cliente. Hoje é tempo de aproveitar a derrubada de fronteiras, a aproximação com o cliente, e tudo mais que a tecnologia nos apresenta para transformar o seu negócio jurídico de forma inovadora. Tudo ao alcance dos seus dedos. 


Escrito por Tatiana Rodrigues
Advogada, pós-graduada em Direito Administrativo pelo Instituto Romeo Felipe Bacellar. Professora da disciplina de Controladoria Jurídica do MBA em Gestão de escritórios de advocacia na ESA GO – Dalmass. Professora da disciplina de Controladoria Jurídica e Inovação no Uninter. Professora da ESA – OAB -PR. Professora de gestão da produção jurídica, marketing e legal design do Cers. Professora de Legal Design da ABDCONST. Professora de Controladoria Jurídica do IPOG. Professora e idealizadora do curso “Controladoria Jurídica Premium” do hotmart. Coautora do livro “Inovação – projetos e política”, 2021. Proprietária da Tatiana Rodrigues consultoria.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s